captura-de-tela-2016-11-04-as-00-57-11

Anistia Internacional em defesa de comunidade de artesãos do Maranhão

Postado em 04. nov, 2016 por em Movimentos

Todos os anos milhares de pessoas celebram, no dia 10 de dezembro, o Dia Internacional dos Direitos Humanos. Neste dia, há 55 anos a Anistia Internacional realiza uma ação. Pede que a gente envie cartas e e-mails para ajudar pessoas.

Hoje a Babel das Artes recebeu pedido de apoio para a ação #EscrevaPorDireitos. E solicitamos a força de vocês para contribuir já que, pela primeira vez, há uma causa do Brasil na “Maratona Escreva por Direitos”.

A causa é em defesa da Comunidade de Santa Rosa, no Maranhão, cuja atividade principal é o extrativismo da carnaúba, cujo pó é base para a fabricação de chip de celular, cosméticos, móveis, artesanato, e um adubo de excelente qualidade. A renda é dividida entre as famílias, no entanto, a terra é da União (Estado brasileiro) e a falta de regularização impede que as famílias que moram e trabalham ali tenham garantia de seus direitos. Em julho de 2014, o presidente da Associação de Santa Rosa, Sr. José Nedina, foi assassinado, devido a conflitos pelo uso da terra.

Campanha para regularização de terra da Comunidade Santa Rosa no Maranhão.

Campanha para regularização de terra da Comunidade Santa Rosa no Maranhão. Na foto Domingas, Seu Chico e Dona Maria são moradores da Comunidade. Único caso brasileiro da Maratona Escreva por Direitos 2016.

#EscrevaPorDireitos! Faça a sua parte!

Clique neste link para baixar a carta e exigir a regularização das terras. Imprima, preencha os campos, digitalize e envie para:

Rafael Carvalho Ribeiro ([email protected])
Superintendência do Patrimônio da União no Maranhão (SPU/MA)
Rua Oswaldo Cruz, 1618 – Ed. Sede Órgãos Regionais do Ministério da Fazenda – Canto da Fabril
São Luís/MA, CEP: 65.051-630 Brasil

Abaixo reproduzo a mensagem que recebi da Anistia Internacional.

captura-de-tela-2016-11-04-as-00-57-11Olá Sandra,

O caso brasileiro da “Maratona Escreva por Direitos 2016″ trata da questão fundiária na Comunidade de Santa Rosa, no Maranhão. Lá vivem e trabalham cerca de 30 famílias em uma área de 509 hectares, próximo ao Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

A atividade principal deste povoado é o extrativismo da carnaúba, cujo pó é base para a fabricação de chip de celular, cosméticos, móveis, artesanato, e um adubo de excelente qualidade. A renda é dividida entre as famílias.

A terra é propriedade do Estado Brasileiro e a falta de regularização impede que as famílias que moram e trabalham ali tenham garantia de seus direitos. Em julho de 2014, o presidente da Associação de Santa Rosa, Sr. José Nedina, foi assassinado, devido a conflitos pelo uso da terra. Com a regularização, a comunidade poderá acessar crédito e políticas públicas que garantam seu direito a um trabalho digno e alimentação adequada. E também tem impacto na preservação cultural e ambiental da região.

Entre em ação e defenda o direito desta comunidade a viver e trabalhar com a terra. Escreva para a Superintendência de Patrimônio da União, do Ministério do Planejamento, e peça a regularização das terras!

Uma comunidade ameaçada não pode fazer muito. Você pode! Escreva por direitos!
Rafael Medeiros – Assistente de Ativismo e Mobilização Anistia Internacional Brasil

 

Sobre a Anistia Internacional

A Anistia Internacional é um movimento global com mais de 7 milhões de apoiadores, que realiza ações e campanhas para que os direitos humanos internacionalmente reconhecidos sejam respeitados e protegidos. Está presente em mais de 150 países. Todos os dias, alguém, em algum lugar do mundo, recebe apoio da Anistia Internacional. Nosso compromisso é com a justiça, a igualdade e a liberdade. A organização é independente de qualquer governo, ideologia política, interesse econômico ou religião. Qualquer cidadão do mundo pode se tornar membro e ajudar a fazer uma diferença real no mundo. O trabalho de pesquisa desenvolvido permite a descoberta de fatos e leva à demanda por mudanças. Sua atuação visa mobilizar e pressionar governos, grupos armados e empresas para promover e proteger os direitos humanos. Para nós, quando o direito de uma pessoa é violado, o de todas as outras está em risco.

Deseja receber nossas atualizações gratuitamente?
É simples: Digite seu e-mail!
Related Posts with Thumbnails

Tags: ,

No comments.

Comente, opine e compartilhe